Como saber se seu cão está sentindo dor

Os cachorros não reclamam, dificilmente choram e nunca apontam onde está a dor, mas ela pode estar lá. Muitas vezes, o dono do animal só percebe que o animal tem algum problema depois de passar alguns dias sem comer, e isso indica que a dor já atingiu um nível alto.

O diagnóstico precoce só traz benefícios para o animal, afinal evita o sofrimento prolongado e é mais fácil tratar doenças em estágio inicial. A dor pode causar mudanças no comportamento do animal e até mesmo deixando-o mais agressivo.

As baixas temperaturas também são prejudiciais aos cachorros, pois aumentam a sensibilidade à dor, especialmente quando as dores forem nas articulações.

Para evitar que eles sofram em silêncio, é importante ficar atento aos sinais que eles nos dão quando algo está errado com eles.

Além de sintomas como apatia, tremor e falta de apetite, também há outras manifestações de dor que podem indicar problemas específicos.

  • Esfregar a pata no rosto repetitivamente pode indicar que o animal esteja com um problema nos olhos como, um simples cisco, ou falta de lubrificação nos olhos que podem causar lesões nas córneas. O gesto de esfregar a pata no rosto também pode indicar uma dor de dente no animal.
  • Tossir ou engasgar com frequência pode indicar gripe canina, bronquite, colapso da traqueia e doenças cardíacas.

Todos esses sintomas devem ser tratados com um veterinário, o dono do animal nunca deve auto medicar seu bichinho.