Vacinas para cães

Uma das dúvidas mais frequentes em donos de cães é sobre vacinas. Quem está adotando um animal ou recebendo um filhotinho em casa precisa ficar muito atento as estas dicas. O mais importante saber é que independente das vacinas que o médico veterinário recomendar, duas delas são obrigatórias, a múltipla (V-8 ou V-10) e a antirrábica (raiva).

Animais adultos que nunca foram vacinados, ou mesmo filhotes que já passaram da época certa de vacinar, devem receber 3 doses da vacina múltipla com intervalo de 21 dias e uma dose da vacina antirrábica. Para os filhotes com idade conhecida, a vacinação começa aos 45 dias de vida, repetindo a dose a cada 21 dias e após completarem 129 dias recebem a antirrábica. As duas vacinas devem ser repetidas anualmente. É importante que não se vacine antes dos 45 dias, a não ser que a mãe não tenha sido vacinada, pois esse é o prazo para que a imunização seja ativada no filhote.

Outra imunização bastante recomendada é a contra a leishmaniose que pode ser transmitida para humanos. Deve ser avaliado a incidência da doença na região para verificar a necessidade da aplicação.

A vacina contra giárdia também pode ser recomendada. Ela não previne totalmente a doença, mas pode aparecer de uma forma bem mais branda em cães que receberam a vacina.

As doenças cobertas pela V-8 são: Cinomose; Hepatite Infecciosa Canina; Adeno virose; Corona virose; Para influenza canina; Parvo virose; Leptospirose Canina

As reações em filhotes são parecidas com as que bebês humanos apresentam: febre, abatimento, dor e inchaço no local de aplicação. Os efeitos costumam passar em até 24 horas mas deve-se ficar atento caso o cão mude seu comportamento.

Fique atento ao calendário

 

Vacinas para gatos

Antes de iniciar a vacinação em gatos é importante saber se ele não está com alguma doença como febre, vômitos ou diarreia. Adie a aplicação da vacina no caso destes sintomas para que não aconteça uma falha-vacinal, ou seja, o organismo do gato não responde corretamente a imunização. O animal também deve estar devidamente vermifugado.

Não vacine seu gato antes de 45 dias de vida.

rinotraqueítecalicivirosepanleucopenia e leucemia felina,clamidiose